Como Fazer Crescer O Teu Negócio?

Muitos dos recém-empreendedores, dão os primeiros passos no seu negócio e sentem que fazem imenso, mas não estão a conseguir mais resultados ou até mesmo o seu primeiro cliente. Bem, a verdade é que fazer crescer um negócio não pode ser uma banda de um homem só.

Muitos dos recém-empreendedores, dão os primeiros passos no seu negócio e sentem que fazem imenso, mas não estão a conseguir mais resultados ou até mesmo o seu primeiro cliente.

Bem, a verdade é que fazer crescer um negócio não pode ser uma banda de um homem só. O que é que eu quero dizer com isto?

No início do meu negócio, eu era tudo! Mas quando eu digo tudo eu quero dizer, que estava em TODO O LADO!

Era a Ana telefonista, a Ana comercial, a Ana web designer, e todas as tarefas que eu achasse que conseguia aprender e realizar sozinha, tudo mesmo antes de ter o meu primeiro cliente.

O cenário comum do meu dia-a-dia era chegar ao fim do dia e eu tinha feito tudo e mais alguma coisa menos dedicar-me aos grandes projetos que me entusiasmavam e às novas ideias que eu queria implementar. Eu era uma verdadeira Empreendedora Apaga Fogos!

Eu acreditava que para ter o meu negócio eu tinha de estar em todo o lado e que só eu faria as tarefas bem feitas. Tratava o meu negócio como se fosse um filho, o que para quem quer crescer um negócio é impossível, porque nos tornamos completamente escravos dos nossos negócios.

O caminho do empreendedorismo faz com que não tenhamos uma única função e isso é totalmente normal, mas a verdade é que não se consegue estar em todo o lado, sem que algo fique esquecido!

Muitos empreendedores partilham da mesma dificuldade que eu tinha, e parece que delegar funções é uma dor enorme e que ninguém fará melhor que nós, mas provavelmente todas as tarefas que tu estás a fazer neste momento pertencem aos bastidores do teu negócio e não à linha da frente, onde realmente o vais fazer crescer!

Como é que tu consegues dedicar o tempo para criares uma relação com os teus clientes, para fazer diretos e oferecer valor aos teus seguidores, se estás ocupado a passar faturas e a editar vídeos?

Eu acabei por dar por mim numa espiral sem saída de emergência, tinha tido a minha filha há 2 meses e saía de manhã e só voltava às 21h da noite e à medida que as semanas passavam eu acreditava que quando acabasse o trabalho ele ficaria concluído, mas a verdade é que ele não acabava, pelo contrário, multiplicava-se!

E eu estava a perder o controlo da coisa que, com o nascimento da minha filha, se tinha tornado o mais importante, o tempo!

Uma dica que costumo partilhar com os meus alunos, e que também foi partilhada comigo durante uma sessão com um dos meus mentores, é que devemos gerir o nosso negócio como se fossemos um CEO de uma grande empresa desde o DIA 1.

Ou seja, deves saber distinguir entre uma tarefa de 5€ que pode ser efetuada por outra pessoa, como responder a emails, de uma tarefa de 100€ que SÓ PODE SER FEITA POR TI!

O ideal é que todos os dias tenhas pelo menos uma tarefa de 100€ como prioridade, porque muitas vezes gastamos o nosso tempo em tarefas de 5€ o dia todo enquanto podemos perfeitamente delegar a outra pessoa e fazer efetivamente o nosso negócio crescer a olhos vistos. 

Com os tempos que vivemos, criar um negócio é cada vez mais fácil com os recursos que temos à nossa disposição, mas não podes cair no erro de preferires investir o teu tempo em detrimento do teu dinheiro.

Apesar de talvez muitas pessoas não concordarem comigo, o dinheiro é ilimitado, mas o tempo não!

Ou seja, há sempre alguma forma de ganhar dinheiro extra, uma pessoa pode perfeitamente ter mais dinheiro que outra, mas uma coisa que todos temos de igual forma são as 24 horas do dia.

E, por isso, o que quero que entendas é que se tu continuares com o teu “negócio de uma pessoa só”, não há forma de multiplicares essas horas, pois só à medida que cresces a tua equipa é que as “tuas horas do dia” vão aumentar, pois com duas pessoas já tens 48 horas e assim sucessivamente.

Não tens muitos recursos para delegar tarefas? Não deixes que seja isso que te impeça, pois, nem que seja aos poucos, existem inúmeras formas de delegares tarefas e construíres uma equipa, como estagiários das mais variadas áreas , secretárias virtuais, etc. Começa por delegar 10/20 horas por mês e vai aumentando à medida que o teu negócio cresce também.

O importante é que saibas que não consegues fazer tudo sozinho, porque se isso acontecer há coisas que vão ser deixadas de lado e provavelmente são as coisas que mais impacto terão no teu negócio!

Lembra-te que o teu dia deve ser constituído por 80% de tarefas que tu gostes de fazer e que têm de ser exclusivamente feitas por TI, porque só assim é que tu vais conseguir focar a tua atenção no que realmente É o teu negócio e não em tarefas de bastidores!

Ainda o que eu quero que te perguntes a ti mesmo quando começares a delegar é: “O que é que eu vou fazer com o meu tempo de sobra?”, porque se não refletires podes cair na tentação de não aproveitar o teu tempo de uma maneira que vai fazer crescer o teu negócio, e nem na vida nem nos negócios nos podemos dar ao luxo de perder tempo!

Hoje eu delego muitas tarefas do meu negócio, e foi quando comecei a delegar que o meu negócio mais cresceu, porque eu CRIEI tempo para tirar os meu projetos da gaveta e dar a atenção certa ao meu negócio!

Partilha comigo como tens feito esta gestão do tempo no teu negócio. 

  Beijinhos e abraços inspiradores ❤️

Queres aprender mais?

Tem acesso a todos os conteúdos gratuitos de Ana Cristina Rosa

Mais artigos

Sê notificado a cada artigo novo!

TORNA-TE UM
INSTRUTOR ONLINE

Todos os teus dados serão tratados de acordo com a RGPD