Anjinho Ou Diabinho?A Batalha De Definir O Teu Preço!

Lembras-te do Anjinho e do Diabinho? Na nossa infância, muitos desenhos animados colocavam um anjinho e um diabinho em cada ombro para ajudar o protagonista a tomar decisões! Hoje vamos falar do teu anjinho e do teu diabinho nos negócios.

Se por um lado tens o anjinho a dizer-te que deves vender os teus produtos o mais barato possível, por outro lado tens o diabinho a sussurrar-te que TU DEVES DECIDIR UM VALOR JUSTO PARA TI. E agora, para que lado é que tu te viras? Pela lógica, pelo mais fácil, por aquilo que toda a gente faz, VAIS PELO ANJINHO. Mas…como tu és SENHORA DO TEU NARIZ E ALGUÉM CONSCIENTE DO SEU POWER, tu vais ser TEAM DIABINHO! Hoje vais aprender o que é que o teu diabinho tem para ensinar ao teu anjinho cheio de medos e que acredita que o barato vai trazer mais pessoas.

Vamos já começar por alterar esta ideia. 

Em primeiro lugar, se tu és o teu fã número 1 porque é que vais vender uma coisa que tu sabes que vale mais por um preço mais barato? 

Em segundo lugar, as pessoas não te procuram como procuram uma camisola. Elas procuram muito mais do que um produto e por isso, não chegam até ti pelo preço. Não querem saber se és a feira da ladra dos negócios. Entre as 789 boas coisas que a internet nos trouxe, uma delas é que tu podes ser uma pequena empresa ou uma empresa com milhares, mas ambos podem ter o mesmo sucesso nas redes sociais. Então já sabes, o primeiro post-it que vais colar na cabeça do teu anjinho é: “Eu tenho MUITO VALOR e vou ter cada vez mais AUTORIDADE.” E aqui vai dar-se o efeito ESPELHO, onde aquilo que tu pensas de ti vai refletir para a outra pessoa!

Mas, Espelho Meu, Espelho Meu, não haverá alguém mais caro e melhor do que eu? Claro que há! Mas, não te preocupes tanto com a concorrência. Não sabes a estratégia deles. Se calhar até têm aquele cliente uma vez e depois a relação deles acaba ali. Se tiveres serviços/produtos com diferentes intervalos de valores, tu e o teu cliente vão ser o chamado “e viveram felizes para sempre”. 

É claro que vai ser como quando metes gasolina. Se metes pouca, o carro não pode fazer viagem muito grande. O mesmo acontece num investimento de um curso. Se o teu curso tiver um valor mais baixo, o teu cliente não pode esperar ter um acompanhamento intensivo. Vê o meu caso. Eu tenho um produto de 97€, um de 1500€ e outro de 5000€. Todos têm diferenças entre si. O mais barato não tem qualquer acompanhamento, enquanto no mais caro a pessoa consegue passar um dia comigo onde eu a ajudo-a a construir a sua estratégia de negócio. Resultado: As pessoas começam pelo mais barato e aguçadas pela curiosidade, querem continuar! Porque se tu já apanhaste o avião, não vais deixar a viagem a meio, pois não?

Mas, para já, vamos até à tua terra, idiota! 

Não te estou a insultar, calma! Os idiotas são pessoas que têm muitas ideias e tu tens muito por onde pensar para criares diversos produtos e agarrares o teu público numa jornada MIRABOLANTE! Da mesma forma que tu aproveitas o horário de verão, tu também tens de aproveitar cada passinho que dás no teu negócio. Se vais ter uma sessão com um potencial cliente, aproveita para lhe mostrar todos os teus programas, desde o mais barato ao mais caro. Do outro lado tanto tanto pode estar um forreta como o Tio Patinhas, como alguém que quer dar tudo por tudo. Por isso, na dúvida, mostras sempre o quão FIXE é trabalhar contigo.

Ah! Falta partilhar contigo um daqueles tops secrets para tu te tornares um Sherlock Holmes dos negócios. Já tens a tua lupa? 

Porque vamos analisar a mente humana! Se tu queres fazer uma boa gestão dos preços dos teus produtos, tens de saber que a mente humana pensa muito por intervalos de valores. Sim! Se tu queres vender um produto por 147€, porque é que não o vendes por 197€? Na cabeça do ser humano, não vai haver uma confusão tão grande e tu vais sair a ganhar! 

Força, Sherlock! Atira-te ao teu caso, mas despe a tua gabardina porque o teu negócio é HOT!

Beijinhos e abraços inspiradores ❤️

Queres aprender mais?

Tem acesso a todos os conteúdos gratuitos de Ana Cristina Rosa

Mais artigos

Sê notificado a cada artigo novo!