AMAR, A Tarefa De Trabalho Que Nunca Vais Conseguir Por Um CERTO

O amor é intenso e AMAR é a tarefa mais difícil que o ser humano pode ter. Ao contrário de uma tarefa no trabalho, o ato de AMAR não tem fim. Não podes simplesmente por um certo. Tens de amar todos os dias! E isto também se aplica ao mundo dos negócios. Tens de perceber como é que podes amar todos os dias os teus clientes.

-Atchim! Bolas, estou constipada, vou tomar já alguma coisa!

 -Ai estou apaixonada, vou tomar alguma coisa para ver se passa!

Pois, infelizmente não podes tratar estas duas situações da mesma forma. Se uma constipação pode ser tratada com um medicamento, o amor é capaz de virar a tua cabeça e o teu corpo todo de pernas para o ar, sem conseguires fazer nada. É capaz de dominar os teus pensamentos e pode deixar-te tão feliz como no fundo do poço. O amor é intenso e AMAR é a tarefa mais difícil que o ser humano pode ter. Ao contrário de uma tarefa no trabalho, o ato de AMAR não tem fim. Não podes simplesmente por um certo. Tens de amar todos os dias! E isto também se aplica ao mundo dos negócios. Tens de perceber como é que podes amar todos os dias os teus clientes.

Garantires que há uma relação de “amor” com o teu cliente é SUPER IMPORTANTE! Vou mostrar-te porquê. Começa por imaginar uma vida sem chocolate. De repente, nenhum supermercado pode vender mais chocolate. Se vais conseguir viver sem chocolate? Não tenho dúvidas que sim. Mas, depois da tua pausa de almoço, já não vais ter aquele momento tão feliz em que comes o teu quadradinho. É um pequeno momento do teu dia que de certeza te faz muito feliz! O mesmo acontece no marketing do teu negócio. 

Se o teu negócio pode existir sem teres uma relação de amor com o teu cliente? Claro que sim. Mas, com AMOR, vais ter mais conexão e um cliente conectado pode ser o melhor advogado da tua MARCA. 

As pessoas ligam a detalhes, por mais simples que pareçam. É como o quadradinho de chocolate depois do almoço, por muito pequeno que seja o teu gesto de amor, o cliente vai lembrar-se e, numa próxima, já vai estar ansioso por mais.

Mas, perguntas tu: se o AMOR é tão complicado de perceber na nossa vida pessoal, como é que vou aplicá-lo na vida profissional? 

A resposta é simples. Tens de fazer o mesmo que fazes na vida pessoal. 

Vamos por partes. Se gostas de uma pessoa, o que fazes? Nesta fase inicial, tentas ser simpática e perguntas se quer ir a um date contigo. Ora, no contexto profissional, podes começar por criar um e-book gratuito em troca do email da pessoa. Agora que já conseguiste o date e estão os dois apaixonados, vão namorar. Vão viajar, vão descobrir novos restaurantes, vão ver os vossos filmes preferidos. Bem, e como que raio namoras um cliente? Oferece-lhe vídeos, e-books, emails personalizados, jogos e tantas outras coisas! A tua imaginação é o limite! 

Tal como ele fica ansioso para ver mais um episódio da sua série preferida, ele também tem ficar assim quando vir que recebeu um email teu. Provocar emoções é aquilo que tu queres. E depois do namoro, chega o pedido de casamento. O auge da vida para muita gente. O cume da montanha. Conseguiste! A pessoa comprou o teu curso online! Finito!!! Compras fogo de artificio e tiras uma semana de férias!!  Nah. Nah. Nah. Nem pensar! Não vais começar a derrapar pela montanha. Tens de celebrar a tua conquista INCRÍVEL, durante 10 minutos. Porque, a seguir, vais trabalhar nos próximos passos! 

Por exemplo, podes adicionar essa pessoa à tua lista VIP do whatsapp ou em épocas especiais, podes enviar-lhe um miminho pelo correio. Não sei se sabes, mas os adultos gostam tanto de receber presentes como as crianças. Mas como são adultos, nunca esperam que alguém se lembre deles. E se calhar até estás a sorrir agora, porque concordas comigo. É o efeito do amor. Estou a namorar contigo neste momento e tu agora estás a aperceber-te disso. E eu sei que estás a gostar.

Sei o que estás a pensar…Depois do casamento, não é mais fácil buscar novos clientes? No teu campo amoroso, se tiveres alguém durante muito tempo, vocês vão conhecer-se como a palma da vossa mão.

Tu olhas para essa pessoa e muito provavelmente já sabes o que ela está a pensar. Tu gostas tanto dela que lhe vais deixar a última fatia de bolo. 

É um amor bonito e à antiga. Dizem os mais velhos que é difícil encontrar alguém assim. Por isso, se no teu negócio encontras alguém que compra o teu curso, não largues essa pessoa para ir buscar outras. 

Um dos meus primeiros projetos foi o “Descobre”, onde as pessoas conseguiam perceber quais eram os seus talentos. Depois disso, eu continuei a namorar essas pessoas. Muitas seguiram comigo para o meu projeto “Empreende”, onde transformaram os seus talentos num plano de ação. Depois do “Empreende”, seguiram-se outros projetos mais intensivos para mergulharem completamente no mundo do EMPREENDEDORISMO. Até aos dias de hoje, essas pessoas continuam comigo! 

Por isso, aponta mais esta tarefa na tua agenda: Investir numa relação de AMOR com o cliente. Nunca vai levar um CERTO, mas com certeza estás no caminho CERTO!

Beijinhos e abraços inspiradores ❤️

Queres aprender mais?

Tem acesso a todos os conteúdos gratuitos de Ana Cristina Rosa

Mais artigos

Sê notificado a cada artigo novo!

TORNA-TE UM
INSTRUTOR ONLINE

Todos os teus dados serão tratados de acordo com a RGPD